Vegetarianismo e Veganismo qual o conceito?

Imagem Google

Vegetarianismo e Veganismo qual o conceito?

Primeiro você sabe qual a diferença entre Vegetariano e Vegan?

-O veganismo é uma filosofia de vida motivada por ética e respeito aos direitos animais, que procura evitar qualquer sofrimento desnecessário aos mesmo. Não consomem quaisquer produtos de origem animal (alimentares ou não), nem usam produtos que tenham sido testados em animais. Muitos começam por ser vegetarianos, tornando-se mais tarde veganos.
Alguns dos produtos que os veganos não consomem incluem: Alimentos com ingredientes de origem animal como artigos de pele, lã e afins, medicamentos e cosméticos testados em animais e serviços que impliquem exploração de animais.

-Vegetarianismo é um regime alimentar baseado fundamentalmente em alimentos de origem vegetal. Os vegetarianos excluem da sua dieta carne, bem como alimentos derivados (ex:gelatina feita com base de ossos animais). Os ovolactovegetarianos consomem também ovos e leite, e os lacto-vegetarianos leite e laticínios.
Os vegetarianos estritos excluem da sua alimentação todos e qualquer alimento de origem animal, ou com ingredientes de origem animal.
Os veganos excluem todos os produtos de origem animal não só da sua dieta como de tudo o que consomem, incluindo cosmético, vestuário e calçado.

Por 5 anos da minha vida fui vegetariana por problemas de saúde, não comia carne vermelha, branca e peixe, nem derivados como salsicha, linguiça, salame e presunto. No começo foi uma tortura até porque minha família é carnívora.
Quem só come carne, esquece que temos bilhões de opções, por exemplo eu fico sem carne mas não sem batata  e hortaliças.
Acho incrível a concepção dos veganos, mas hoje não conseguiria seguir. Sou a favor de termos sim, leis que protejam os animais de barbáries na hora de serem abatidos, e mais ainda nos que são usados em experiencias tadinhos.
Agora eu não consigo olhar para uma vaca e um cão com o mesmo amor.Pois já ouvi em entrevistas esse argumento, como amar um animal domestico e sacrificar outro para consumo.
Admiro quem muda o estilo de vida por suas crenças, mas da mesma forma temos que respeitar uns aos outros.
Veganos, vegetarianos e carnívoros tudo se resume, equilíbrio e respeito para com o próximo mesmo que ele seja um animal irracional.
Nada nessa  vida pode ser imposto, principalmente alimentação. Informar maus tratos aos animais e protege-los é nosso dever. Talvez um dia me tone vegetariana ou vegana, mas isso é uma decisão particular.


Vegetarianismo e Veganismo qual o conceito?
Este é o tema proposto para esta blogagem coletiva do Escritos Lisérgicos
Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

30 comentários:

  1. Olá, Patrícia!
    Legal a postagem.
    Seja qual for nossa escolha de vida, o respeito às outras escolhas deve ser incluído sempre.
    Sou vegetariana.
    Por nenhum motivo lógico, ninguém me convenceu, nem defendo nenhuma posição em particular.
    Acho que o único jeito de se transformar é não sofrer, é deixar que as coisas aconteçam suavemente.
    Digo isso porque quando eu QUIS virar vegetariana, me esforcei e não consegui, era um sofrimento. Quando eu parei de tentar, aconteceu. Como uma Graça.
    Hare Krishna!
    bj

    ResponderExcluir
  2. A liberdade, e o gosto de cada um
    deve ser respeitada, eu adoro carne
    apesar que tem algum tipo que não como,alguma carne exótica não faz o meu gosto, e um bom e saboroso churrasco, eu encaro de boa
    As dicas do texto são valiosas, pq eu não sabia a diferença ::::
    Dos que gostam e dos que não gosta
    Parabéns por essa Blogagem, aqui a gente tem ídeia e segue como quer!
    Abraços
    Rita!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Patricia,que legal a sua participação!Eu tb vou participar,mas ainda não fiz meu texto!Gostei de saber a diferença entre esses dois tipos alimentares!bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca fui nem este nem aquele, nem o outro e nem nada. Sempre fui adepta ao equilíbrio. Claro, como você falou, teve que tirar os alimentos animais da sua dieta por motivos de saúde, concordo com as intolerância alimentares que ocorrem na nossa vida, também sou contra qualquer tipo de violência e maus tratos a qualquer criatura humana, mas jamais seria adepta ao vegetarianismo ou ao veganismo ou somente ao carnivorismo... Uma matéria bem bacana!!! Gostei do espaço!!!

    ResponderExcluir
  5. Oii Patricia, eu tbém admiro quem se sacrifica dessa forma, mas acho que p quem tem essa concepção vegetariana nem deve ser sacrifício, a não ser qdo é problemas de saúde como foi o seu caso, nossa nem me imagino nessa situação, adoro carnes e realmente não pretendo parar de come-las! Bjooooosss

    ResponderExcluir
  6. Bom dia minha amiga..
    Essa BC do Christian está sendo maravilhosa né?
    Dá pra pensarmos muito em tudo... eu admiro quem adota esse modo de vida... porque além de amor, tem aí muita determinação... muita garra..
    Eu acho que não conseguiria..
    Mas mesmo não sendo eu acho que podemos ajudar de outras formas né?
    Amei seu post..
    Um beijo mais que carinhoso no seu coração e tenha uma semaninha mais que linda..
    Sheila

    ResponderExcluir
  7. Olá! Adorei o blog, já virei seguidora!
    Ótimo pot, tirou todas as minhas dúvidas ;)
    Venha nos visitar, espero que gostei do nosso blog como gostei do seu!
    Bacci da Alih (Beijos em Italiano)
    @juntandostrapos

    ResponderExcluir
  8. Oi Patricia.
    Gostei muito do texto informativo.
    Quem é vegan ou vegetariano,tem o meu respeito,mas acho que não seria uma adepta dessa filosofia,nem teria essa opção nutricional.
    Como vc bem lembrou:
    'Nada nessa vida pode ser imposto, principalmente alimentação.'
    Abraços!
    Boa semana!

    ResponderExcluir
  9. Que lindo seu relato amiga, senti segurança em suas palavras,estamos nos habituando aqui em casa em uma dieta mais natureba, aos poucos estamos sentindo mudanças,mas por problemas de saúde que resolvemos ser solidarias ao meu marido que esta com um probleminha no coração, tudo por amor mesmo.
    Beijinhos amiga querida.

    ResponderExcluir
  10. Simples e objetivaaa... nem tenho o que falar, todos podemos viver em equelibrio, desde que o sofrimento não seja causado sem fins de consumo.
    Matar para comer tudo bem, mas matar por matar NÃO.
    Beijooooos e participando da BC.

    http://www.artesdosanjos.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Acho esse um bom tema.
    Sou carnívora, mas admiro quem passe sem a carne.
    Quem sabe um dia eu consiga.
    Um grande bj querida amiga

    ResponderExcluir
  12. .



    Escrever é a resposta de
    quem muito lê. Talvez por
    isso seja tão bonito o seu
    blog.
    Ontem foi o dia dos pais,
    mas foi a mãe quem garantiu
    a festa.

    Confira no meu blog.

    silvioafonso








    .

    ResponderExcluir
  13. Vi teu comentário agorinha. Vim desejar que fique tudo bem,tá?/beijos,linda semana,chica

    ResponderExcluir
  14. Oi Patrícia, você definiu muito claramente os conceitos que foi o cerne desta BC.
    Eu também não faço questão de carne diariamente... mas sou proibida de comer e nem sinto que preciso optar pelo vegetarianismo e/ou veganismo.

    Também participei desta BG...

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  15. Saberás que há pedras brancas na ilha
    Que a raiva é cegueira à maravilha
    O mar às vezes se veste de maresia
    Que um amor no amar confia?

    Saberás que às vezes escondo o coração à crueldade do mundo
    Que o que outrora desejava agora receio
    Que a minha desesperada mente combate a tua
    Que a ternura às vezes morre ao meio da rua
    Boa semana

    Doce beijo

    ResponderExcluir
  16. Olá minha irma,

    Excelente participaçao, eu adoro carnes e embutidos, e sem dúvida alguma, respeito os gostos de cada um.

    Abçs

    ResponderExcluir
  17. Patricia. Gostei de aprender mais aqui através dessa BC. Ainda estou na exclusão da carne vermelha. Há tempos não como. Pretendo evoluir e cortar outros alimentos que não considero saudáveis. Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Ôi Pat! Como está você? Melhor?... Agora sou eu amiga.... Ando morrendo de dores nas costas e de cabeça....Parabéns pela sua participação na BC do Chris! Concordo com suas considerações finais, contudo eu ainda sou carnívora....
    Um abençoado início de semana!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/


    ResponderExcluir
  19. Cada um cada um na perfeição de DEUS.
    Eu traço tudo. PF (prato feito) é comigo mesmo. Mas ten época que sinto a nescessidade de comer algo mais leve, bem vegetal.

    ResponderExcluir

  20. Olá Patrícia,

    Confesso que não conhecia a diferença entre vegetarianismo e veganismo; talvez por não ser adepta de nenhum deles.

    Achei o tema bem interessante.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  21. Oi Patricia...
    Linda participação na blogagem coletiva...Adorei saber quais as diferenças de vegetariano e veganismo...Fiquei muito feliz com sua participação no sorteio de 1o Aniversario do Denguinho...e agradeço o carinho.
    Arigatou né!
    Nyan nyan
    Nina

    ResponderExcluir
  22. Muito bem explicado direta e objetiva, gostei muito sou carnívora assumida, mas nem por isso a favor de maus tratos aos animais.

    ResponderExcluir
  23. Amei menia nem sabia desse negocio de vegano, amei a postagem muito instrutiva.

    ResponderExcluir
  24. Adorei confesso que não sabia a diferença, aprendi, como carne quase todo dia, não suporto quem maltrata animais e nem judiar na hora de matar para comer, mas estamos no topo da cadeia alimentar, tbm nao podemos matar por matar.

    ResponderExcluir
  25. Já fiquei sem carne por mais de 2 anos, mas depois voltei atrás em nada melhorou ou piorou minha saúde, não sabia dessa diferença e acho legal quem tem opinião.
    Não podemos desrespeitar os animais por serem mais fracos, e nem abusar deles em experiencias isso é inadmissível.

    ResponderExcluir
  26. Olá Pati!

    Minha amiga, li a tua postagem e dou-te os meus Parabéns. Tenho aprendido muito com esta BC, havia coisas acerca de veganismo que não fazia ideia. Como sabes, eu era - ainda sou -, carnívora. Deixar de comer carne, não é nada fácil para quem gosta muito. No entanto, em nome da saúde algumas pessoas são forçadas a isso.

    O respeito aos animais devemos ter sempre, mas não a eles, às plantas também. Quando colhemos uma fruta, devemos pedir autorização à árvore para a colhermos para nos alimentarmos.

    Amanhã é dia da tua BC! O selo de participação é o de sempre ou é o do mapa mundo?

    Beijos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  27. Patrícia, como avisei no grupo, minha conexão anda uma merda e, por esta razão ando nesta lerdeza para comentar aos participantes da Coletiva, mas faço questão de comentar em todos.
    Seu texto ficou além de informativo, muito sóbrio.
    Você foi quase uma vegana por cinco anos... Eu observo isto nos carnívoros também, pessoa parece ter dificuldade de variar as refeições e tirar alguns dias para comer coisas diferentes.
    Eu fui vegano por alguns meses, como sabe, o que me impediu foram famílias carnívoras junto â falta de grana, porque a dieta que seguem não é barata, isto tem que ser esclarecido. Ser vegetariano é mais fácil, porque a carne é um alimento caro também.
    A questão do especismo é uma coisa que percebi mexer bastante com alguns carnívoros que, por algum motivo, não puderam deixar de ser.
    Por este motivo, do mesmo modo vejo como uma opção individual, que não tem como ser imposta. Cada um tem seus motivos para ser carnívoro, vegetariano ou vegano.
    A questão é tentar, na medida do possível, manter o respeito com os animais, como certos "luxos" como o uso do couro e pele, procurar usar produtos que não testam e por aí vai.
    Parabéns pela participação Patrícia. Ficou excelente.

    ResponderExcluir
  28. Parabens pelas informações. Estou procurando ir deixando aos poucos, diminuindo o máximo, e não estou sentindo falta, pelo contrário. Bjos

    ResponderExcluir
  29. Oi, Patrícia, Sua opinião é muito próxima da minha. É um tema controverso e quem se torna vegano ou vegetariano pode acabar sendo intolerante a quem tem uma opinião contrária. Um abraço!

    ResponderExcluir
  30. Olá, Patrícia!
    É a primeira vez que venho aqui e é um prazer conhecer o seu blogue!
    Gostei muito do seu texto. Você abordou o tema de uma maneira bem inteligente. Também acredito que tudo deva se resumir a equilíbrio e respeito para com o próximo, incluindo nesse conceito os animais irracionais.
    Parabéns pelo texto excelente!
    Passo a acompanhar as suas publicações e agradeço o carinho de sua visita ao meu blogue.
    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário, volte sempre!!!
*Gentileza gera Gentileza*
Os comentários serão liberados, após serem aprovados, conteúdo
que contenha spam e ofensas não serão publicados.

Divulgue suas postagens

Tedioso: Os melhores links

Parceiro

Top blogs de receitas

Dados do blog

  • Top comentaristas

    Top Comentaristas by SemNome
  • Estatísticas do Blog

    Dias online
    Postagens
    comentários
  • PageRank

    PageRank
  • Assinantes do blog

  • Visitas do RoboGoogle

Divulgue nosso Banner

Link-me!